CENTRAL DE ATENDIMENTO
Conheça as unidades

1364

Bruno Freitas

Foto do Bruno Freitas que contou sua Historia de Superação

A Descoberta
Estava visitando universidades ao redor de Boston para Programas de Mestrado quando descobri: era Dia de Ação de Graças, feriado mais importante dos EUA. Ao tomar banho na casa de um amigo, onde estava hospedado, senti um inchaço muito grande em meu testículo, e já sabia. Até hoje me perguntam como eu sabia e não sei dizer, mas soube imediatamente e no mesmo momento me convenci que tinha câncer. Esperei o jantar terminar, chamei a mãe do meu amigo que trabalha com saúde em Boston e fui ao hospital.

Apoio Familiar
Minha família sempre foi perfeita, não seria diferente com relação à minha doença. No início, quis tratar em Boston mesmo, mas meu pai insistiu e voltei para o Brasil para ser cuidado em “casa”. Todos os meus familiares me apoiaram, nenhum demonstrou abalo e preocupação. Foram sempre calmos e tranquilos.

As Amizades
Todos os meus amigos, por me conhecerem, trataram sempre com bom humor e otimismo o meu câncer. Nunca me deixei abalar, nem mesmo por um segundo, e trouxe isso aos meus amigos. Brincávamos muito, riamos muito, e a vida seguiu como ela deveria ter seguido – sempre com o apoio e o carinho das pessoas que mais amo.

A COI
Por recomendação do meu primo, Dr. Djair Aquino Brito, quem me operou e retirou o tumor, fui direcionado à COI e ao Dr. Mauro Zukin. Desde o início, com a gentil recepção e a certeza de que estaria em boas e competentes mãos, a COI se tornou uma casa longe de casa. Todos faziam de tudo para que eu tivesse o conforto e a ajuda necessária, estava seguro de que o tratamento era o ideal e tive a convicção de que era o melhor lugar onde eu poderia estar para o meu tratamento.

Sua Equipe Médica
A começar pelo Dr. Paul LaFontaine, Dr. Djair Brito e Dr. Mauro Zukin, a equipe do Cambridge Hospital, em Boston, até o grupo de enfermeiras e médicos do Hospital São José e da COI, sem contar os infindáveis profissionais adjacentes que pela minha vida passaram, eu só posso agradecer. Essas são pessoas que guardarei para sempre em meu coração, mesmo que não me lembre de todos os nomes nem reconheça todos os rostos. São pessoas incríveis fazendo um trabalho incrível. E agradeço muito a todas elas por terem feito parte da minha vida.

A Superação
Nunca fui de me abalar pelos soluços da vida. Quando descobri o meu câncer, talvez era o mais calmo de todos ao meu redor. A doença veio e felizmente se foi com os cuidados e tratamentos necessários dados pelas mãos hábeis de todos na COI. Minha cabeça sempre esteve decidida a procurar o melhor tratamento, não me preocupando com a doença e sim com a possibilidade da cura. Buscar ajuda e confiar no tratamento necessário é crucial em se tratando de câncer. Hoje, ando de cabeça erguida, como sempre andei, certo de que mais um obstáculo foi superado e pronto para a vida que segue.

Compartilhe: